Coastal Hazards in Africa, 28 & 29 October 2020. 
Durban, South Africa.

Tema

Atualmente, os riscos costeiros são uma área de considerável preocupação societal por várias razões:

  • As zonas costeiras são ambientes complexos, extremamente dinâmicos e sujeitos a processos e interações de diferente natureza e intensidade (marinhos, continentais, biológicos, etc.)

  • Cerca de 70% da população mundial está concentrada numa zona localizada entre a linha de costa e 60km para interior, e a maioria das previsões indica que a migração de população para as zonas costeiras irá continuar no futuro. Para além disso, grande parte das atividades económicas a nível mundial está concentrada nas zonas costeiras.

  • Uma proporção significativa das zonas costeiras à escala global está em erosão, com taxas que variam entre poucos centímetros a vários metros por ano. Adicionalmente, as zonas costeiras estão cada vez mais expostas a inundações que provocam danos significativos a vários níveis.

Para além destes fatores, a concentração de populações, atividades económicas e infraestruturas de transporte nas zonas costeiras leva a que os ambientes costeiros sejam extremamente vulneráveis a poluição de vários tipos, particularmente no que diz respeito a derrames de hidrocarbonetos.

Por estas e outras razões, tanto os cientistas como os gestores costeiros no continente Africano estão particularmente preocupados com os ricos costeiros, particularmente devido à concentração de grande parte das metrópoles Africanas no litoral, a fragilidade socioeconómica das populações costeiras, e a falta de enquadramento legal adequado no que diz respeito à gestão costeira. Todos estes fatores fazem com que as zonas costeiras Africanas estejam cada vez mais vulneráveis aos riscos costeiros. 

Objetivo: esta conferência tem como intuito juntar os cientistas e gestores interessados nas zonas costeiras Africanas de forma a desenvolver o conhecimento sobre os riscos e perigosidade no litoral, considerando o estado atual das zonas costeiras ao longo do continente Africano. Para além disso, este encontro científico pretende proporcionar uma plataforma para discussão abrangente de propostas e medidas que permitam abordar e gerir os riscos costeiros em África.

Tópicos principais (tal como em 2018):

Riscos de erosão e inundação costeira em África

  • Dinâmica de sistemas costeiros (influências marinas e continentais);

  • Evolução da linha de costa (indicadores, processos, movimentos de massa em arribas costeiras, efeitos antrópicos, evolução Holocénica, etc.).

  • Inundação costeira (nível do mar, eventos extremos, arquivos históricos e sedimentares, etc.)

  • Alterações climáticas e riscos de erosão e inundação em África.

Riscos de poluição e derrames de hidrocarbonetos

  • Uso e ocupação do solo nas zonas costeiras Africanas

  • Qualidade da água (marinha e continental) e poluição em zonas costeiras

  • Tráfego marítimo e riscos de derrame de hidrocarbonetos nas zonas costeiras Africanas

  • Carga antrópica e desastres naturais em África: sensibilidade ecológica das zonas costeiras

   

Gestão de riscos costeiros em África

  • Impactos socioeconómicos

  • Infraestruturas costeiras versus ricos costeiros

  • Gestão e planeamento (atores, territórios, políticas públicas, suporte à decisão, regulação, redes): exemplos de países Africanos

  • SIG: ferramentas de planeamento e gestão de sistemas costeiros

  • Gestão integrada de zonas costeiras e ordenamento do espaço marítimo: exemplos de projetos implementados em África (interdisciplinaridade, abordagens sistémicas, etc.)

  • Sistemas de alerta e suporte à decisão em zonas costeiras e marinhas